Um debate sobre o financiamento da saúde pública sob a perspectiva de Hésio Cordeiro e Napoleoni

Resumo

O presente artigo buscou trazer a perspectiva de Hésio de Albuquerque Cordeiro (1942-2020), renomado médico sanitarista e professor brasileiro, sob a influência do pensador e economista italiano, Cláudio Napoleoni (1924-1988). Para tanto, como modalidade textual, usou-se o ensaio, e como método, a análise de conteúdo. Em um primeiro momento, foram descritas as biografias de Hésio e de Napoleoni, assim como seus pensamentos. No ensaio crítico, foram abordadas as discussões sobre o financiamento dos gastos públicos com ações de saúde, bem como a proposta de adoção de medidas anticíclicas, temas trazidos por Cordeiro, em seu texto Financiamento do setor de saúde: proposta para a transição democrática (1985). Diante de tais questões, ainda presentes no contexto atual, evidenciou-se a necessidade de reconsideração do financiamento à política pública de saúde.
Compartilhe: